Entenda a Crise

Crise chegou ao fundo do poço

Ao longo dos últimos anos, a crise enfrentada pela maioria dos Municípios brasileiros atingiu níveis surpreendentes. Hoje, prefeitos são obrigados a se transformar em verdadeiros heróis de suas comunidades para evitar que os serviços, inclusive os essenciais para a população, sejam paralisados.

Conheça aqui alguns exemplos para entender, em parte, alguns dos motivos da crise:

  • R$ 35 bilhões de Restos a Pagar, devidos pelo governo federal desde 2009;
  • R$ 121,4 bilhões em isenção do Imposto de Produtos industrializados (IPI) concedido pelo governo em prejuízo aos Municípios;
  • R$ 540 bilhões em deterioração do Fundo de Participação dos Municípios (FPM);
  • subfinanciamento de programas federais, como o da merenda escolar, que destina apenas 30 centavos para a merenda de cada um dos alunos;
  • gastos em Saúde: a Constituição determina 15% do orçamento dos Municípios. Mas o gasto ultrapassa os 23% pela ausência da União e dos Estados;
  • em Educação, Municípios deveriam investir 25%. Mas gastam mais de 29% para cobrar o que deixam de receber da União e dos Estados.

Com o prefeito de seu Município, você poderá conhecer outras razões e motivos que levaram os Municípios para o “fundo do poço”. Conhecer esse cenário é importante para que todos os munícipes entendam o que acontece, lutem por mudanças e debatam com os políticos que costumam pedir votos.

Junte-se ao movimento que busca a autonomia de seu Município.